Barão de Lucena 48, sala 20, Botafogo

(21) 3577-0077 | 98485-5537

Sobre o CIGGA

Somos um centro de medicina especializado na saúde do idoso. Através de valores  voltados para a humanização do cuidado e da ação integrada entre médicos e outros profissionais, fornecemos um atendimento capaz de suprir as necessidades individuais de cada paciente.

SAIBA MAIS

NOSSA SIGLA

O que significa CIGGA? Nosso nome, Centro Integrado de Geriatria e Gerontologia Ativa, carrega na sigla conceitos importantes. Conheça a nossa inspiração e entenda o significado de Geriatria e Gerontologia.

SAIBA MAIS

NOSSO PRINCIPAL FOCO É PROMOVER O ENVELHECIMENTO ATIVO E SAUDÁVEL,
GARANTINDO AUTONOMIA, INDEPENDÊNCIA E QUALIDADE DE VIDA AOS NOSSOS PACIENTES.

Equipe

Nossa equipe é formada por cinco médicos, com formação em clínica médica e geriatria e ampla visão em gerontologia.
Contamos também com profissionais de outras áreas que compõem uma completa equipe multidisciplinar especializada na saúde do idoso.

Drª. Alice Jerusalmi
Geriatra | CRM 52.87399-3

Dr. André Froimtchuk
Geriatra | CRM 52.86713-6

Drª. Fernanda Viana
Geriatra | CRM 52.90703-0
leticia-cigga-geriatria
Drª. Letícia Barreto
Geriatra | CRM 52.82394-5
michele-cigga-geriatria
Drª. Michele Dias
Geriatra | CRM 52.89490-7

Drª. Renata Corrêa
Geriatra | 5278679-9

0

Médicos Geriatras

0

Equipe Multidisciplinar

0

Pacientes

0

Sorrisos

Serviços

Equipe médica e multidisciplinar

Consulta médica especializada em geriatria

Consulta domiciliar e assistência hospitalar

Consulta nutricional

Consulta com fonoaudióloga

Especializada em estomaterapia

Neuropsicologia e Psicoterapias

Avaliação e terapia de incontinências

Avaliação e reabilitação funcional

Motora com foco em reabilitação

Consultas farmacêuticas

Consulta e sessão musicoterápica

Para cuidadores e familiares

Programas

Oferecemos programas especializados para grupos específicos de pacientes, com o objetivo de inserção, acompanhamento e alta.

Últimas Notícias

Fique informado no nosso blog.
Como lidar com a agitação e a agressividade na Doença de Alzheimer

Pessoas com Alzheimer podem se tornar agitadas ou agressivas à medida que a doença evolui. A agitação; isto é, a inquietude, o excesso de preocupação, e a incapacidade de se acalmar podem levar a problemas com o sono e até à agressividade, v

A dança e seus efeitos positivos no envelhecimento cerebral.

As pessoas mais velhas que fazem exercício físico com regularidade podem apresentar melhora dos sinais de envelhecimento no cérebro. Dentre as atividades físicas, destaca-se a dança que apresenta efeito significativo nesse aspecto. Isto foi reve

Sódio baixo é um problema muito comum em idosos: o que significa?

Tenho atendido com muita frequência, tanto em consultório como em hospitais, pacientes idosos com quadro de sódio baixo. Na maioria das vezes este é apenas um achado laboratorial que não gera repercussões clínicas e não precisa ser corrigido.

Os efeitos da solidão na saúde

Os efeitos potencialmente prejudiciais da solidão e do isolamento social na saúde e longevidade, especialmente entre os idosos, são bem estabelecidos. Por exemplo, em 2013 um estudo reportou que a solidão pode prejudicar a saúde gerando hormôni

Envelhecimento e os cuidados com a pele

A nossa pele muda com a idade. Com o tempo ela se torna mais fina, perde gordura e deixa de ter a aparência macia que já teve um dia. As veias e os ossos se tornam mais visíveis e proeminentes. Cicatrizes, cortes e pancadas demoram mais a cicatriz

“Razão, emoção e Alzheimer”

  Sobre a razão e a emoção, sabemos o que são, mas não sabemos definir seus respectivos conceitos com clareza. O dicionário classifica a razão como a faculdade de raciocínio, conhecimento e julgamento. Já a emoção um abalo afetivo, um

Degeneração macular seca

A degeneração macular seca é uma desordem ocular comum entre os idosos. Causa borramento ou redução da visão central, devido ao afilamento da mácula, que é a parte da retina responsável pela melhor qualidade de visão para cores e pequenos d

Outubro Rosa: previna-se

Outubro Rosa é um movimento criado na década de 1990 para incentivar a participação da população no controle do câncer de mama. A data é celebrada anualmente e busca tanto a divulgação de informações sobre a doença e seus métodos de pre

Constipação intestinal

Alterações do hábito intestinal, principalmente constipação, são muito comuns nos idosos, em especial entre as mulheres. A constipação caracteriza-se pelo número reduzido de evacuações (menos de 3x/semana) ou por pelo menos dois dos itens

É verdade que algumas comidas pioram a ansiedade e outras possuem efeito calmante?

Lidar com a ansiedade pode ser um desafio e geralmente requer mudanças no estilo de vida. Não existem mudanças na dieta que possam curar a ansiedade, mas observar o que comemos pode ajudar. Tente esses passos: – Inclua alguma proteína no ca

Alzheimer e os distúrbios do sono.

Distúrbios do sono são muito comuns entre a população idosa e muitas vezes deixam de ser diagnosticados. O principal motivo para essa falha é o fato de muitos acharem normal o aparecimento de problemas com o sono a medida que envelhecemos. De fa

Os sintomas comportamentais e psicológicos em idosos com demência.

A deterioração das funções cognitivas constitui o núcleo fundamental dos sintomas clínicos das demências. No entanto, existem muitos outros sintomas, como os distúrbios neuropsiquiátricos, que podem afetar gravemente a qualidade de vida dos

Tonteira

A queixa de tonteira é muito comum entre os idosos. Ela está relacionada à perda de equilíbrio e, além do mal-estar que proporciona, frequentemente leva a quedas, com consequências potencialmente devastadoras. Existem vários tipos de sensaçõ

Envelhecendo com sexo.

A sexualidade, objeto incessante de estudo da psicanálise, parece ser inerente à condição humana, ou seja, está presente desde o nascimento e se mantém por toda a vida, inclusive na velhice. Em “Três ensaios sobre a teoria da sexualidade

Dia mundial de conscientização da violência contra pessoa idosa.

Dia 15 de Junho é o dia mundial de conscientização da violência contra pessoa idosa – evento importante para que não possamos esquecer desse triste problema. Estudos americanos mostram que cerca de 10% dos idosos no mundo inteiro sofrem algum

Dia Mundial da doação de sangue! Faça sua parte!

Dia 14 de junho é o dia mundial da doação de sangue, ato voluntário de ajudar o próximo através da reposição de estoques de nossos hemocentros. Infelizmente no Brasil segundo dados do Ministério da Saúde, menos de 2% da população doa sang

Os cuidados com a saúde que reduzem o risco de demência na terceira idade.

Não existe cura para muitos tipos de demência, incluindo a doença de Alzheimer, mas talvez existam caminhos para reduzir a chance de desenvolvê-la. A Demência é a doença mais comum em pessoas idosas. A doença de Alzheimer é a forma mais comu

A Vacinação em Idosos

Os benefícios da vacinação na prevenção de doenças infecciosas são incontestáveis em qualquer faixa etária. No entanto, ao contrário do que acontece na pediatria,  a imunização dos idosos ainda é bastante negligenciada. Trata-se de um g

Vamos falar sobre finitude.

Em 2016, o Jornal Inglês The Economist e a Kaiser Family Foundation fizeram uma pesquisa nos Estados Unidos,  Brasil,  Itália e no Japão sobre  esperanças e preocupações em relação aos seus desejos de fim de vida da população. O mais im

Como lidar com a delicada questão dos idosos e a direção dos automóveis.

A proporção de idosos dirigindo aumenta a cada dia com o envelhecimento da população e muitas vezes torna-se notícia por que se envolvem em mais acidentes fatais, se comparados com outras faixas etárias, com exceção dos adolescentes. É sabid

Como manter as defesas do corpo mais fortes após os 65 anos – 5 dicas para treinar seu sistema imune

Existe uma ironia em se viver por mais tempo: ficamos mais suscetíveis a ver nosso corpo declinar. Nosso sistema imune deixa de ser verdadeiramente imune. A isso chamamos “imunossenescência” – tendência do sistema imune que está env

Como anda a sua voz?

Como todo o nosso corpo encontra-se em movimento e transformações durante a nossa vida, a voz, que faz parte da nossa identidade, também sofre alterações com o decorrer dos anos. O envelhecimento vocal também é conhecido como presbifonia, que

Os idosos e a vacina contra a febre amarela: Vacinar ou não?

Diante dos primeiros casos de febre amarela confirmados no Estado do Rio de Janeiro e a proposta de vacinar a população do estado, surgiu uma grande dúvida sobre a vacinação nos maiores de 60 anos. Vacinar ou não? A vacina de febre amarela é f

A importância da atividade física no processo de envelhecimento

Com o envelhecimento o corpo passa por inúmeras mudanças fisiológicas, como a redução de massa e força muscular, da massa óssea, da capacidade respiratória e largura do passo, entre outras. Estas mudanças o tornam mais vulnerável ao surgime

Os riscos da internação hospitalar no idoso

Os riscos da internação hospitalar no idoso         O envelhecimento populacional associado ao desenvolvimento de novas tecnologias, determinou uma maior sobrevida de pessoas com diagnóstico de doenças crônicas. Nos dias de h

Envelhecimento Ativo

Entenda alguns conceitos importantes para um futuro com qualidade de vida.

Polifarmácia: riscos e orientações

Conheça os benefícios dos serviços clínicos do Farmacêutico

Cuidados paliativos

A importância do cuidar mesmo quando não é possível curar.

Incontinência Urinária na Terceira Idade

Alguns esclarecimentos sobre causas e tratamentos.

Alzheimer: sintomas e tratamentos

Saiba como identificar um mal silencioso.

CIGGA de portas abertas

Evento reúne presenças importantes na área de Geriatria e Gerontologia. Veja fotos!